segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Não sairemos ilesos dessa vida. Mas precisamos ser fieis a nós mesmos!




Não sairemos ilesos dessa vida.

Sabemos que a maior lei de nossa vida é ser fiel a nós mesmos, mas não vivemos isolados e no processo de alto conhecimento e equilíbrio da paz e felicidade seremos machucados e machucaremos a outras pessoas.

E como continuar a ser fiel a si mesmo nesse mundo?

Eu tenho algumas dicas.

Descubra quais são os seus princípios, e desses não abra mão.
Mais do que ser honesto, etc. Vamos ver outros tipos de princípios.

Se você perceber que é uma pessoa romântica e sempre sonhou em se relacionar com alguém romântico, então na abra mão disso. Porque um relacionamento a longo prazo com alguém que não é romântico te fará infeliz, e você ficará  “preso, sufocado” a uma pessoa que no começo você pensou:
“Ele tem qualidade que eu gosto”, mas com o passar dos anos o que era importante para você, ou seja, seus princípios, onde ficou?
A pessoa ao seu lado sempre foi “bruta” e você anos atrás “se traiu” e com isso se machucou. E chegou um momento em que terá que se decidir, continua a se machucar ou machuca alguém para poder voltar a viver.

Não existe certo ou errado, apenas o que é mais importante para você:
Viver para os outros, aceitando as dores e tristezas dessa escolha, ou decidir se priorizar, mesmo que alguém se machuque no caminho.

Quantas pessoas te machucaram no caminho? Mas foi para o bem delas, e hoje você percebe que para o seu também.
Claro que estou falando de términos porque uma das partes não quis mais, e depois de anos percebemos que foi melhor assim!
Ou até mesmo quando fomos traídos, e mesmo a dor da surpresa, saímos e nos permitimos a ser novamente a nós mesmos!

Com o tempo entendemos que tentar fazer alguém feliz É IMPOSSIVEL, mas complementar a felicidade de alguém é maravilhoso.


Como é libertador SER NÓS MESMOS! E entender cada fase do processo, e mesmo que seja preciso nos machucar ou deixar algumas pessoas no caminho. Isso também faz parte dom processo. Porque no final estamos apenas buscando ser nós mesmos e valorizar nossos princípios.

Deborah Surian
Coach PNL
cnls.grupo@gmail.com

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Me tornei seletiva com quem ando, e isso se chama AMOR PRÓPRIO




Percebi com o passar dos anos que não são todas as pessoas que me fazem bem, antes de falar do amor próprio quero trazer a reflexão que existem pessoas e “pessoas”.
Existem pessoas que para se sentir “feliz” tem que rebaixar o outro, ou pessoas que simplesmente gostam de impor a opinião delas como “únicas aceitáveis”. Pessoas que gostam de mentir, pessoas que gostam de se fazer de “coitadas”, amigos que achamos que são para sempre, mas porque conhecemos pessoas novas, amigos novos não quiseram mais falar com a gente, porque desejava que eu fossemos exclusivos na amizade deles. Pessoas que dividem ou somam.

Sabendo que não posso mudar o outro, apenas a mim mesma, percebi que:
A sociedade apoia uma separação por causa de uma traição, afinal precisamos ter amor próprio, não é mesmo?

Mas quando um tio, ou um primo fala mal de você, te difama, não te ajuda em nada e até torce pela sua derrota, somos obrigados a andar junto?
Por causa do que? Vinculo de sangue? Cultura? Porque o seu pai mandou?
Sociedade pode ser muito hipócrita (as vezes).
A regra deveria ser a mesma para os dois casos?
Acredito em escolhas leves. Quando a escolha é leve, a sua alma esta mostrando que esta no caminho certo de sua paz.
Se a pessoa quiser falar com o ex que a traiu, e isso fizer sentido para a pessoa, não é algo pesado, porque a sociedade impõe que deve se afastar?
Ou seja, exclua quem te trás peso, e fique com o que te faz leve (isso é amor próprio).
Claro que esses foram apenas alguns exemplos. Amplie isso para toda a sua vida e as pessoas que te cercam!

Entendam que descobrir o que é amor próprio se trata muito mais do selecionar pessoas que você queira conviver, mas é um grande passo!

Se ame a ponto de deixar que apontem, que falem, que tentem te diminuir por não aceitar o que “eles” querem impor para você. Deixem que falem, afinal até papagaio fala.

Quem escolhe se as palavras deles irão te afetar é você! Se ame a ponto de tirar o maior poder que eles possam ter sobre você: SUA ATENÇÃO!

Desejo que suas escolhas, mesmo com a cara feia dos outros, sejam cheias de sorrisos. Não de ironia, mas porque você é leve o suficiente para sorrir com a vida. Saiba que para viver a sua vida BASTA VOCÊ MESMO!

Deborah Surian

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

FELICIDADE, FAZENDO O OUTRO FELIZ. É POSSÍVEL?


O segredo de ser feliz é fazer outros felizes?
Sim e Não!
Desde que você não se esqueça de si mesmo!
O equilíbrio tem que estar em todas as coisas.
Vamos refletir
Sabe aquela mulher que amava musica, sair, dançar, amigos, mas também sonhava em ser mãe.
E um dia se tornou mãe e aquilo era o sonho da vida dela, os anos passaram e ela não fez mais nada a não ser mãe, os filhos cresceram, saíram de casa e ela se encontra sozinha, triste, como se "tudo" tivesse perdido o sentido.
De alguma forma ela se dedicou tanto a alguma coisa que deixou outras que também eram importante de lado.

Outro exemplo.
Aquela menina que casou, ela via sempre o rapaz, ela sempre sonhadora, romântica, querendo ser notada. Mas o rapaz sempre bruto, tratando com ignorância a mãe, e agora ela. Então ela pensa, vou casar para fazer ele feliz, e assim eu serei feliz.

O tempo passou, sabe aquelas coisas que ela gosta, exemplo:
Abrir a porta do carro?
Elogiar?
Cuidar dela quando está doente?
Ser ouvida? Não ELE gosta de falar.
Nada disso.
Pode até ter dias que ela fala, mas as atitudes dele mostra que ela não é ouvida, afinal, continua fazendo as mesmas coisas.

E os anos casada foram passando, e a vida dela se tornou um inferno.
Para todos um casamento perfeito, afinal, ele é trabalhador, paga as contas, compra o que precisa e conversa com todo mundo, menos com ela, com ela a conversa só funciona se estiver bom para ele (ela de novo tem que abrir mão do que é importante para ela) e a vida dela é uma solidão. Ela por dentro perdeu as forças. Não há mais sonhos, ficou vazia.

Ela quis tanto fazer o outro feliz e abriu mão DELA MESMO, do que era importante para ela.

Quantos fazem isso com mãe, amigos, etc...

Um dia se vê sozinha...

Então eu te pergunto, fazer o outro feliz te fará feliz?

Claro que ser 100% egoísta também não é o ideal, o importante é encontrar o ponto de equilíbrio.

Fazer o outro feliz, mas que tenha troca, que o outro também queira te fazer feliz.

Se não for assim, o ideal é pensar apenas em si. Afinal, que vai viver a sua vida é você mesmo.

Deborah Surian

domingo, 8 de janeiro de 2017

SONHAR - SONHOS! VOCÊ AINDA SONHA?



Sonhar!

O que é sonhar? Parar e pensar em um mundo só seu!

Vamos falar desses sonhos.

Muitas vezes em nossas vidas nos pegamos a sonhar sonhos "bobos" como encontrar alguém que não existe, ir para lugares que só existem em nossa cabeça. Isso não acontece apenas com crianças e adolescentes, adultos também, mas parece que muitos de nós censuramos esses pensamentos.

E isso é julgado nos adultos como atitude infantil.

Eu me pergunto, será mesmo?

Será que essa parte de nós pode estar gritando querendo voltar e te libertar de muitas "tristezas" da vida "real".

Que tal voltar a sonhar?

Que tal dar uma fugida de um mundo conturbado e ir por uns 5 minutos ao seu mundo?

Se ermita sonhar de novo.



Claro, que moderação é importante, mas não se prive de sonhar!
Sonhe!

Deborah Pnl Surian

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017



Não force colocar sapatos menores que o seu número, machucarão os seus pés.
Não force contato com quem não te acrescenta, machucarão ao seu caráter!
Seja fiel a você, não faça porque alguém disse que é o "ideal".
Esse é o padrão deles, seja maduro e leve e se afaste 😘😊
Como vai o seu relacionamento com o seu peso? 




Antes de falar por todos quero falar de mim um pouco.
E a dieta? Comi 😂😂😂


Reflexão Surianica.
Uns vão dizer:
- Mas vc não está gorda, outros podem dizer:
- É bom perder uns quilinhos mesmo.

Mas quero deixar claro, APRENDI A ACEITAR E CONTROLAR O MEU PESO 😉

Se estou assim hoje, estou porque QUIS e fiz por onde 😊

Há alguns anos estava muito acima do peso, é aquilo me incomodava 😢então decidi mudar.

Nesse processo a busca pela "magreza" errei muito, comi de 3h em 3h. Me entupia de carboidratos, mas a vida está aí para nos ensinar.

E percebi que quanto mais carboidratos, mais gordura ruim (inclusive na aparência). 
Do que eu era ESTOU MUITO MAIS MAGRA!



Mas nesse processo aprendi que se como errado, vou ficar uns dias mais "inchada" volto a comer corretamente perco o "inchaço".

Se eu quiser emagrecer terei que abrir mão de um monte de coisa "gostosa", me manter como estou hoje também está ok. Já tenho uma alimentação equilibrada 😊

👉🏼
 O ponto é: O QUE EU QUERO, e se estou disposta a pagar esse preço.
Esses dias comi chocotone, sorvete, chocolate 🍫 e olha aí o resultado. 😂😂😂

Mas esta tudo bem 😉

⚠️
 ATENÇÃO ⚠️ 



Eu não passei o dia comendo essas coisas, mas comia uma vez a tarde, outra vez à noite, e foi o suficiente para dar uma "inchada", mas estou bem 😉😊

Eu quis comer, e sabia das consequências 😊

A minha relação com a comida mudou, eu domino ela e não o contrário.

Então posso não estar "magricela", mas está tudo ok 👍🏼😉

SE AMAR É BOM DE MAIS!

Tente você também mudar a sua relação com a comida, faça sessões de coach PNL
www.cnls.com.br - whatsApp 11 98902-8768

Deborah Surian

Desabafo sobre saudade




Existem pessoas que ficam gravadas em nossa vida. E nos marcam de maneira muito profunda.
👉🏼Fazem parte de nós! 👉🏼Fazem parte da nossa história!
🙂Não sei se é por causa do final de ano, mas estou com saudades, gratidão e com vontade de abraçar.
Saudades que não cabe em mim!
Vontade de abraçar e de olhar nos olhos que mesmo com o passar dos anos continua aqui.
Lembranças boas e conversas ótimas...
Saudades ... saudades...


Deborah Surian

A verdade sobre a maldade...




A melhor resposta sobre a maldade humana.

Ela não pode ser exterminada. 
Existe em todos nós. 

Alguns deixam dominar outros não. Mas esta em todos nós.
Se existisse pessoas totalmente más no mundo, seria fácil.
Bastaria separa-los e extermina-los.
Mas a linha entre a bondade e a maldade é invisível em nosso coração.
E quem quer exterminar um pedaço do próprio coração?

Deborah Surian
“Porque os que os outros pensam sobre você na realidade diz mais sobre eles do que sobre a sua pessoa. O que pensam reflete, com certeza, o que são eles, não quem é você.”

PESSOAS MANIPULADORAS



Você já teve a sensação de estar perto de uma pessoa que, mesmo quando é ela que comete um erro, ela consegue distorcer a história de tal forma que é você quem se sente culpado?
E então, quando você tenta se defender das acusações dela publicamente, ela dá um jeito de usar tudo o que você diz contra você e muitas vezes apela para a chantagem emocional, chora e se faz de vítima, fazendo de você um monstro?
Sorria, você está diante de uma pessoa manipuladora.
Com esse tipo de consciência, não adianta você querer ser sincero, abrir o coração. O ego da pessoa não tem preparo para entender a linguagem do amor, pois ela está focada única e exclusivamente na guerra, em poder. Tudo o que essa pessoa faz é em benefício pessoal, ela não tem empatia para percebê-lo. Se não é psicopata, está psicopática. Se um ladrão entrar na sua casa para roubá-lo você não vai abrir o coração com ele explicando seus dramas achando que ele irá acolhê-lo, não é mesmo? O mesmo acontece na relação com pessoas manipuladoras.Se elas estão sugando sua energia, não adianta você tentar ter uma conversa franca com elas, pois elas não tem preparo para entender e irão distorcer tudo o que você falou. Com esse tipo de gente, a resolução do conflito não é racional, é energética.
Lembre-se que esse sentimento de culpa que você tem, muitas vezes, foi ela quem o induziu a ter, mas ele é ilusório.É assim, acabando com sua autoestima, que essas pessoas conseguem sugar sua energia e dominá-lo para que você satisfaça os interesses dela.Trate-as educadamente, com distância e generosidade e, gradativamente, afaste-se desse tipo de vínculo tóxico e destrutivo.Tratá-las com educação não é falsidade, é autopreservação.
Portanto,se você está perto de alguém que o faz se sentir constantemente mal e para "baixo", isso significa que você está numa relação indigna. Saia dela enquanto é tempo.
Mais meditação e menos alienação de nós mesmos,
Com amor, leveza e alegria,
Texto de Gisela Vallin

RAPIDINHA... FALAR COM QUEM NÃO QUER OUVIR É



Tentar mostrar fatos para quem não quer ouvir, é como dar remédio para morto.

Tempestades existem na vida de todas as pessoas, o que diferencia uma pessoa de outra é...


Tempestades existem na vida de todas as pessoas, o que diferencia uma pessoa de outra é justamente as atitudes que elas têm, pois somos nós que desenhamos como o nosso caminho.

Dez pessoas podem ter exatamente o mesmo problema, mas nenhum fará as mesmas escolhas que o outro.

Podem até chegar ao mesmo resultado, mas cada um fará um caminho diferente.

Então não critique ou julgue alguém que não faça do jeito que você espera. É apenas cada um mostrando ao seu jeito a melhor maneira de ser feliz!

Deborah Surian

Analisando aqui... Vamos analisar juntos... Você julga ou esta sendo julgado?



Alguém chega em você fala:
- Eu acho que vc esta brava!
- Eu acho que vc não tem fé!
- Eu acho que vc deveria fazer tal coisa
Achou o erro?

Aqui consta APENAS O QUE VC ACHA!
Não é a verdade da pessoa que esta ouvindo.

Ai a pessoa ainda insiste, mas tem que ser assim do jeito que eu falei...
Exatamente, é o SEU MUNDO, não o mundo da pessoa.

Isso também é julgar.
Cuidado com os julgamentos!

Por um mundo onde as pessoas perguntem mais e ACHE MENOS!

Observação: Vejo esse erro até em mim algumas vezes, então não é indireta para ninguém!

Deborah Surian

Ser Racional e deixar o seus sentimentos de lado tem dado certo? Você esta realmente feliz?





Se pergunte, e analise:
- Você esta realmente leve e feliz?

Nos últimos 20/25 anos o mundo tomou uma postura com pensamentos mais "racionais".
Quantas vezes falamos para as pessoas com problemas:
- Deixa de frescura!
- Faça desse jeito!
- Largue o que te faz mal (nem que seja uma casamento de 20 anos).
- Ninguém escuta o problema, mas tem a solução (que para o que está de fora) parece bom.
.
Mas esta provado que não deu certo essa abordagem.
O índice de suicídio só aumentou.
Problemas de saúde (co)relacionado com o estado sentimental aumentou.
Pessoas trabalham mais, e vivem mãos estressado e doentes.
A sociedade está doente.
.
Esta na hora de darmos um passo para trás e mudar a abordagem.
.
Esta provado os benefícios da meditação (também conhecida como oração silenciosa).
.
Os benefícios de ter uma religião (responsável).
.
E principalmente os benefícios da terapia (PNL, e/ou piscicologia). E outros métodos que não vou colocar aqui para não ficar muito extenso.
.
Esta chegando o ano novo.
.
Esta na hora de enfrentar seus sentimentos!
Esta na hora de mudar de verdade, não apenas maquiar. 
.
Então vamos olhar para onde importa,vamos olhar para dentro.

Deborah Surian

Regra número 1 da vida.


Regra número 1 da vida.
Vá ao encontro do desconhecido.

Ficar fazendo sempre as mesmas coisas é assumir que sempre terá os mesmos resultados.


Não podemos mudar a nossa vida se fizermos as coisas que gostamos.


Estamos sempre no mesmo caminho, fazendo as mesmas coisas,

Entende?!

Nos apaixonamos "sempre" pelo cara errado,

Escolhemos sempre fazer as mesmas coisas.

Estamos apenas REPETINDO A NOSSA VIDA!

Porque simplesmente gostamos de fazer o que é fácil para nós.

Mas se você pegar o caminho do desconhecido, até mesmo do que não gosta de fazer, e tiver medo 
mas completar o território desconhecido, existe uma enorme possibilidade de fazer um caminho diferente, alguma coisa acontecerá e essa experiência te mudará.

Há também a possibilidade de falhar, mas falhar é um aspecto MUITO IMPORTANTE na vida de TODO MUNDO. Por isso é muito importante estar pronto para falhar.

Porque mudar faz com que você não saiba o que vai acontecer. E falhar pode fazer parte do caminho.

Deborah Surian

2016 á acabou. E o que aprendi?



2016 um ano (que ano) Ano que APRENDI!
Começou quebrando a minha "razão".
Entendi que não posso mudar os outros, apenas a mim mesma.
Aprendi que sou responsável por onde estou hoje.
Aprendi que as pessoas me tratam conforme EU PERMITO,
Aprendi que É POSSÍVEL E NECESSÁRIO encerrar ciclos e cortar vínculos com quem não nos faz bem.


Quebrei a religiosidade onde falam que o "diabo" tem legalidade e entendi que 90% das vezes o mal que vivo foi eu que plantei. Afinal Cristo derrotou o diabo na cruz e as leis do velho testamento ficaram como lições e não vivências.

Aprendi que mesmo sendo cristã, impor a minha fé para quem é de outra religião e não quer sair É FALTA DE RESPEITO com o ser humano. (Aprendi de maneira mais profunda, não apenas em teoria, me coloquei no lugar do outro).
"Pregue o evangelho sim, se necessário fale alguma coisa." Santo Agostinho.

Vi pessoas não fazerem nada para mudar a sua vida em culpar os outros por suas desgraças.

E percebi que o princípio da mudança é querer mudar.

Aprendi a ouvir e tentar aproveitar o que há de bom nos conselhos de quem acha que tem razão.

Aprendi a me impor quando algo me fere.

Aprendi a NÃO FAZER NADA PARA AGRADAR ALGUÉM. Fui infeliz por muito tempo querendo agradar os outros (missão impossível) e hoje vivo a alegria de ser feliz por e para mim.

Começo 2017 mais leve, o que olham e acham de mim são julgamentos de seu reflexo de mundo. 


Apenas eu posso falar de mim.

E 2016 foi o ano que a PNL me abriu os olhos para a minha humanidade e como posso ser e fazer a diferença.

Gratidão por 2016

Bem vindo 2017

Deborah Surian